5 ideias de marketing para o seu site faturar nesse fim de ano

image

Como eu andei dizendo esses dias, growth hacking é uma combinação de técnicas inspiradas na experimentação científica e desenvolvimento ágil com o marketing tradicional. 

E se tem uma coisa que profissionais de marketing conhecem muito bem há décadas é sobre como usar o calendário para aumentar vendas. Não é à toa que vemos um crescimento gigantesco no volume de ofertas, campanhas e ações de marketing no fim de ano. É porque elas funcionam.

Em primeiro lugar, as pessoas já estão propensas a comprar, pois muitas delas recebem bônus e décimo terceiro salários nesse período. 

E em segundo, Natal e Ano Novo são períodos de união entre familiares e amigos. Isso traz grandes oportunidades para quem quer faturar com presentes, experiências de encontros (como restaurantes, por exemplo), viagens, etc. 

A contrapartida disso é que essa também é uma época de muito barulho feito por todo o tipo de marca no mercado consumidor. É difícil ser notado em meio à uma multidão gritando ao mesmo tempo, então é fundamental ser criativo se quiser chamar a atenção sem gastar muito. 

Nesse sentido, separamos 5 caminhos a se percorrer na hora de preencher seu backlog (aprenda a fazer um backlog na lição 2 do nosso curso de growth hacking) com ideias para testar nesse fim de ano:

1. Member get member

“Member get member” significa, literalmente, “membro traz um membro”. O que não faz muito sentido em português mas é um termo que descreve campanhas onde um usuário recebe um grande incentivo para convidar um amigo ou parente a se cadastrar/comprar no seu site/app, e dando ao convidado outro grande incentivo para se cadastrar/comprar também. 

Aproveite-se do fato de que  o seu tráfego e suas vendas irão aumentar significativamente nessa época, e dobre os seus ganhos com uma campanha member get member bem amarrada. 


2. Marketing inbound

Esse mesmo artigo que você está lendo é um exemplo de marketing inbound (aprenda técnicas de marketing inbound na lição 5 do nosso curso de growth hacking) voltado para essa época do ano. Listas realmente funcionam, mas tenha cuidado com elas. Principalmente em dias em que Buzzfeed e companhia já andam saturando as pessoas com suas listas vazias e testes bizarros. 

Uma boa regra de inovação quando falamos de marketing de conteúdo é: ou você inova na forma ou inova no conteúdo. Por exemplo, esse artigo não é nada inovador na forma ("5 Maneiras de…”), mas o conteúdo é inovador. Pelo menos eu pesquisei bastante e não encontrei nenhum artigo parecido.

Eu lembro também de uma campanha de Natal onde pessoas enviavam cartões de natal virtuais (um conteúdo pra lá de comum), mas inovava na forma em que você o enviava, com uma foto sua dançando com uma fantasia de Papai Noel. 

3. Fazendo o bem

Essa é uma tática que eu já usei e me senti muito bem em fazê-la. Instituições de caridade, como o Instituto da Criança, têm trabalho extra nessa época do ano e em geral estão abertos e preparados para facilitar ações vindas de empresas para o período.

Escolha bem a instituição que tem mais a ver com seu produto, seja criativo na ação, mas JAMAIS seja ganancioso com ela. As pessoas vão perceber de longe se você estiver tentando faturar às custas das suas boas intenções. Essa é uma boa oportunidade de ganhar pontos emocionais com o seu público-alvo, não faturar às custas de crianças carentes.    

4. Descontos e brindes

Considere, por exemplo, que a sua hipótese é que o seu produto/serviço traz um alto valor agregado, e por isso você gostaria de cobrar caro por ele, mas esse valor não está sendo percebido pelo seu público.

Há muitos experimentos que você deve fazer para melhorar essa percepção de valor, já que normalmente não é recomendado baixar o preço do seu produto (ao baixar o preço você está automaticamente rebaixando o valor do seu produto).

Mas durante essa época isso muda. Você tem o pretexto perfeito para fazer uma mega promoção, por um tempo limitado, em que você pode dar de presente o seu produto a um preço muito baixo ou até mesmo de graça (aprenda como fazer promoções de coisas grátis na lição 5 do nosso curso de growth hacking). Consumidores já possuem o hábito de comprar com desconto nessa época do ano, ou seja, estão menos propensos a ter uma percepção de valor menor sobre ele. 

5. Enfeite o seu app ou site

Essa é talvez uma estratégia que funciona mais para retenção do que aquisição, mas você tem um belo pretexto aí para renovar o interesse no seu produto. O Google é famoso por isso ao mudar o seu logo em ocasiões especiais (embora isso já tenha perdido um pouco o impacto com o uso prolongado). 

De qualquer forma, ao caprichar no design do seu site/app com o tema de natal você tem a oportunidade de redobrar a atenção sobre o seu produto de uma maneira barata. E se você não tem um designer trabalhando tempo integral na sua empresa, empresas como 99designs e Freelance estão aí para isso.

Boas vendas e boas festas!

image

Share Your Thought